Internamentos voltam a descer em dia de mais 424 casos e cinco mortes

Vinte e seis dos 85 concelhos tutelados pela Administração Regional de Saúde do Norte (ARS-N) registaram uma taxa de incidência superior a 1920 novos casos de SARS-CoV-2 por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias, revela um relatório esta segunda-feira.

O concelho de Penedono, em Viseu, é o que apresenta a maior taxa de incidência: 7526 novos casos por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias.

Sete dos 10 concelhos do distrito de Viana do Castelo também registaram uma taxa de incidência superior a 1.920 novos casos: Arcos de Valdevez, Caminha, Melgaço, Paredes de Coura, Ponte da Barca, Ponte de Lima e Valença.

Vale de Cambra (no distrito de Aveiro, onde a ARS-N abrange sete concelhos), Barcelos e Vieira do Minho (distrito de Braga) e Póvoa de Varzim (distrito do Porto) também registaram taxas de incidência superiores a 1.920 novos casos.

No mesmo período, 48 concelhos contabilizaram taxas de incidência entre os 960 e 1920 novos casos de infeção por 100 mil habitantes.
Portugal registou hoje 275 mortes relacionadas com a covid-19 e 5.805 casos de infeção com o novo coronavírus, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS).

O boletim da DGS revela também que estão internadas 6.869 pessoas, mais 175 do que no domingo, das quais 865 em unidades de cuidados intensivos, ou seja, mais sete, valores que representam um novo máximo da fase pandémica.