CCO Vila do Conde

O Círculo Católico de Operários (CCO) de Vila d o Conde vai realizar um casting de teatro com o objetivo de angariar elementos para um novo projeto neste âmbito. Atualmente, o CCO tem o TACCO (Teatro Amador do CCO) como companhia residente, “mas há que preparar o futuro e garantir a continuidade desta atividade”, entende a direção e, para isso, será criado um grupo constituído por jovens que irá apresentar os seus trabalhos e reforçar esta área na coletividade.

O desafio é lançado aos jovens, entre os 14 e os 20 anos que podem contactar o Círculo Católico de Operários através do número 912 394 778 ou pelo email ccodeviladoconde@gmail.com. As vagas são limitadas.

A primeira referência ao teatro amador no Círculo Católico de Operários (CCO) data de 1908. Num Relatório e Contas relativo aos primeiros tempos da coletividade, é referido o Grupo Dramático, dirigido por José Maria Pereira Sobrinho, pai de José Régio. Neste sentido, é possível afirmar-se que o CCO é uma das associações com grande tradição na prática do teatro amador, em Portugal.