Comissão Europeia não vai renovar contratos com AstraZeneca e Johnson & Johnson
Vacina Covid19

A Comissão Europeia optou por não renovar os contratos para aquisição das vacinas da AstraZeneca e Johnson & Johnson a partir de 2022.

Segundo avança o jornal La Stampa, os contratos em vigor com as duas farmacêuticas não vão ser renovados quando expirarem.

“A Comissão Europeia, em acordo com os líderes de muitos estados-membros, decidiu que os contratos com as empresas que produzem vacinas válidos para o ano em curso, não serão renovados no seu termo”, adianta o diário, citando uma fonte do Ministério da Saúde de Itália.

Bruxelas vai, assim, apostar apenas em vacinas contra a covid-19 que utilizam tecnologia mRNA, como as da Pfizer e Moderna.

De recordar que, esta terça-feira, o regulador de medicamentos norte-americano, a FDA, e o Centro de Controlo de Doenças (CDC) do país pediram uma pausa na administração do fármaco da Johnson & Jonhson, depois de terem sido detetados seis casos de coágulos sanguíneos em pessoas que tomaram a vacina.