Governo confirma proposta de aumento do salário mínimo para 665 euros
Imagem ANTÓNIO PEDRO SANTOS/LUSA

O governo confirmou hoje a proposta de aumento em 30 euros do salário mínimo nacional para 2021 junto dos parceiros sociais, indicou a ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho, após reunião da Comissão Permanente de Concertação Social.

A subida em 30 euros traduz-se num aumento em 4,7%, abaixo do impulso de 5,8% dado em 2020 na retribuição mínima. Vai exigir, até 2023, um esforço maior por parte das empresas para alcançar a meta do governo de ter o salário mínimo nos 750 euros no fim da atual legislatura. Em dois anos, o salário mínimo terá de aumentar 85 euros, exigindo crescimentos em torno dos 6% até ao alvo assumido.