Museu do Holocausto do Porto abre na segunda-feira

O Museu do Holocausto do Porto, na Rua do Campo Alegre, abre nesta segunda-feira e nos próximos meses espera milhares de visitantes e de alunos de escolas. Por razões de segurança e para uma diminuição do risco, funcionará apenas nos dias úteis, entre as 14.30 e as 17.30 horas.

Parceiro do projeto governamental “Nunca Esquecer” em torno da memória do Holocausto, o novo Museu permite aos visitantes uma viagem ao antes, durante e depois do Holocausto. São exibidos inúmeros objetos que os refugiados deixaram no Porto durante a Segunda Guerra Mundial, bem como centenas de fichas individuais que estiveram na posse do Museu do Holocausto de Washington.

O Museu é tutelado por membros da Comunidade Judaica do Porto cujos pais, avós e familiares foram vítimas do Holocausto.

A Comunidade Judaica do Porto conta com cerca de cinco centenas de membros de mais de 30 países e possui o Museu do Holocausto e o Museu Judaico, um cinema e parcerias de cooperação com a B´nai B´rith International, a Anti Difamation League, a Keren Hayesod, a Chabad Lubavitch, bem como com a Diocese do Porto e a Centro Cultural Islâmico do Porto.