Portugal com 49 mortes e 1.160 casos de infeção nas últimas 24 horas

Portugal está a viver os piores dias da pandemia, com o aumento no número de mortes e de infeções por covid-19, que está a deixar os hospitais do Serviço Nacional de Saúde (SNS) sob pressão, cada vez maior a cada dia que passa. Os dados do boletim epidemiológico da direção-Geral da Saúde (DGS) desta segunda-feira (18 de janeiro) indicam o agravamento da situação no país: registaram-se 167 óbitos e 6702 novos casos nas últimas 24 horas.

Com estes dados da DGS, o país assiste a mais um máximo diário de mortes, que supera o que foi reportado no sábado (166). No total, Portugal já registou mais de nove mil vítimas mortais (9028) devido à pandemia de covid-19.

Os números dos internamentos também não dão tréguas. Regista-se um recorde de hospitalizações em 24 horas. Num dia, nunca tinha sido registado um aumento de 276 doentes internados face ao dia anterior.