É oficial: Nova época arranca com público nas bancadas
arquivo

O Tribunal Arbitral do Desporto (TAD) anulou o castigo de três jogos à porta fechada aplicado ao Vitória de Guimarães por causa dos insultos racistas a Marega, diante do FC Porto, para a I Liga portuguesa de futebol.

O acórdão do TAD declara que “não ficou demonstrado que o Vitória tenha promovido, ou sequer consentido ou tolerado os cânticos racistas em questão.

Além de ver anulado o castigo de três jogos à porta fechada, o clube vimaranense foi absolvido de pagar uma multa de 53.500 euros a propósito de um caso que remonta ao minuto 69 do encontro entre Vitória e FC Porto, realizado no Estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães, em 16 de fevereiro de 2020.