Desemprego jovem subiu quatro vezes acima da média do país

A taxa de desemprego prevista pelo INE para novembro de 2020 é de 7,2%. Havia menos 12 mil pessoas desempregadas em relação a outubro.

De acordo com o Instituto Nacional de Estatística (INE), “a estimativa provisória da taxa de desemprego de novembro de 2020 foi de 7,2%, valor inferior em 0,3 pontos percentuais à do mês precedente (outubro) e em 0,9 pontos percentuais à de agosto do mesmo ano e superior em 0,5 pontos percentuais à de novembro de 2019.

Em números concretos, novembro viu uma redução de 12 mil desempregados face ao mês de outubro, mas houve um aumento de quase 38 mil desempregados em comparação com o mesmo mês de 2019.
A taxa de desemprego dos jovens foi estimada em 23,3%, “a que corresponde um decréscimo de 1,4 pontos percentuais relativamente à taxa de outubro de 2020”.

Destaque ainda dado pelo INE para a taxa de subutilização do trabalho, que é um indicador que “agrega a população desempregada, o subemprego de trabalhadores a tempo parcial, os inativos à procura de emprego mas não disponíveis e os inativos disponíveis mas que não procuram emprego”.