Cinco detidos por extorsões, sequestros, ameaças e tráfico de estupefacientes

O Comando Territorial do Porto, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE), deteve ontem um homem de 52 anos por violência doméstica, no concelho de Gondomar.

O suspeito, consumidor habitual de bebidas alcoólicas, movido por ciúmes, injuriava, agredia e ameaçava de morte a vítima, sua companheira de 51 anos, que quando se separou do agressor, viu os maus-tratos psicológicos intensificarem-se. Num dos últimos episódios de violência este mês, o agressor, sob o efeito do álcool, voltou a injuriar e a ameaçar a vítima, partindo objetos da residência, o que a levou a pedir auxílio, culminado com a detenção do suspeito.

O detido, com antecedentes criminais por tráfico de droga, foi presente a primeiro interrogatório judicial, no Tribunal de Instrução Criminal do Porto, onde lhe foram aplicadas as medidas de coação de afastamento da residência, proibição de se aproximar da vítima, proibição de contactar com a vítima por qualquer meio e de se aproximar dos locais habitualmente frequentados por esta.