Morreu Alfredo Quintana, guarda-redes de andebol do F. C. Porto

O guarda-redes do andebol do F. C. Porto Alfredo Quintana morreu, esta sexta-feira de manhã, no hospital de São João, no Porto, onde se encontrava internado desde segunda-feira.

O óbito foi declarado oficialmente.

Alfredo Quintana, de 32 anos, sofreu durante o treino de segunda-feira uma paragem cardiorrespiratória e, depois de ter sido assistido no local pelo INEM, foi transportado para o Hospital de São João, onde morreu. Uma TAC tinha detetado um edema cerebral (acumulação de líquidos no cérebro), gerado pela longa paragem cardíaca.
Desde 2014 representava a seleção nacional, tendo sido um dos jogadores indiscutíveis do selecionador Paulo Jorge Pereira e ajudado a levar a equipa de Portugal ao sexto lugar do Europeu de 2020 e ao 10.º lugar do Mundial de 2021.