O TECMAIA – Parque de Ciência e Tecnologia da Maia, é a nova casa da startup portuguesa MindProber, uma plataforma de automação de estudos de neurociência do consumo, que em 2017 foi eleita como a mais inovadora a nível mundial nesta área.

Um prémio que reconheceu a qualidade inovadora e disruptiva da solução apresentada pela MindProber, que se apresenta com uma nova plataforma de ‘media testing’ em larga escala, combinando medidas fisiológicas e comportamentais.

A startup, liderada por Pedro Almeida, tem neste momento uma equipa de dezasseis pessoas, 13 na Maia e, no Reino Unido, três focadas nas vendas.

A plataforma, totalmente desenvolvida pela empresa portuguesa em termos de software e de hardware, permite aos produtores de conteúdo analisarem as reações e emoções dos espetadores segundo-a-segundo e em tempo real a conteúdos media, tais como anúncios publicitários, programas televisivos ou espetáculos em direto.

A MindProber consegue medir e avaliar o impacto dos conteúdos média nos diferentes segmentos e prever o comportamento das audiências.

O TECMAIA conta agora com cerca de meia centena de empresas instaladas e tem visto um crescimento sustentado e vários sinais de resiliência e aposta no futuro. «Apesar do ano atípico a maioria das empresas não parou de contratar e continua mesmo à procura de mais talento para rechear as suas equipas», refere a administração do Parque empresarial maiato.

As oportunidades de carreira no Parque de Ciência e Tecnologia podem ser encontradas no site www.tecmaia.pt.